25.4 C
Brasília
quarta-feira, 10 agosto, 2022

Iges-DF corrige o texto do Acordo Coletivo de Trabalho

A pedido do SindSaúde, a direção do Instituto apresentará uma nova minuta com a readequação da cláusula de jornada de trabalho

Saiba Mais

SindSaúde DF
SindSaúde DF
Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Distrito Federal

O SindSaúde e os delegados sindicais (representantes dos funcionários) se reuniram com o Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (Iges-DF), na tarde desta terça-feira (5),  para tratar da necessidade de readequação do texto do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT), assinado nesta segunda-feira (4). Representando o Iges-DF participou da reunião a gerente geral de pessoas, Elaine Silvestre.

No encontro, os delegados expuseram a preocupação com a cláusula quarta que trata da jornada de trabalho que estabelecia a autorização da carga horária de 44 horas semanais para os empregados do Iges-DF, e para as 4 categorias que tiveram redução da jornada de trabalho ocorria uma dificuldade de interpretação se estava garantida a remuneração atual dos funcionários.

Após ouvir os representantes dos trabalhadores, a gerente geral de pessoas do instituto afirmou que não haverá acréscimo de horas para nenhum funcionário do Iges-DF que tenha a jornada de trabalho de 40 horas atualmente, e que houve uma falha de edição na construção do texto, além disso, garantiu que os funcionários que tiveram a carga horária reduzida continuarão com as mesma remuneração.

O Iges-DF fará a readequação do ACT de tal forma que estas dúvidas sejam esclarecidas e os trabalhadores resguardados. O documento será devolvido, em breve, para que possa ser assinado.

Sobre o reajuste salarial e o aumento do valor do auxílio-alimentação, após os apontamentos de insatisfação dos empregados com o percentual de 2% e a manutenção do valor atual do auxílio-alimentação, o Iges-DF reafirmou não ter disponibilidade de recursos financeiros para aumentar os valores no momento, mas que a mesa de negociação continuará aberta.

O SindSaúde aproveita para destacar que não tem conhecimento e também não é o responsável por nenhuma convocação de paralisação dos funcionários do Iges-DF, além de paralizações nunca terem sido pauta durante as tratativas para o ACT.

Por fim, o sindicato aguardará o envio da readequação do texto do Acordo Coletivo de tal forma que deixe os funcionários tranquilos na questão da jornada de trabalho, além da aplicação de todas as clausulas sociais e da instalação da mesa permanente de negociação.

- Advertisement -spot_img

Últimas Notícias

Campanha de vacinação contra a Poliomielite começa nesta segunda-feira (08)

A campanha nacional de vacinação contra a poliomielite para crianças entre 1 e 5 anos incompletos começa nesta segunda-feira...

Designado grupo de trabalho que será responsável por revisar portaria que dispõe sobre os horários de funcionamento das Unidades Orgânicas da SES

Foi publicado no Diário Oficial do DF desta quinta-feira (04), o grupo de trabalho que será responsável por revisar...

NOTA DE PESAR: Falecimento da servidora Danyanne da Cunha Januário da Silva

É com imenso pesar que o Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Distrito Federal (SindSaúde)...
- Advertisement -spot_img
- Publicidade -spot_img