19.5 C
Brasília
segunda-feira, 20 setembro, 2021

Servidora que for vítima de violência doméstica poderá ser transferida do seu local de trabalho

A Emenda à Lei Orgânica Nº 122/2021, aprovada pela CLDF, pretende evitar que o agressor tenha conhecimento sobre a rotina da vítima

Saiba Mais

SindSaúde DF
Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Distrito Federal

Foi publicada na manhã desta segunda-feira (30) no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF) a Emenda à lei Orgânica Nº 122/2021, que acrescenta em seu texto, um parágrafo que permite a transferência ou realocação do local de trabalho para outro órgão público à servidora pública que for vítima de violência doméstica ou familiar, pela administração direta e indireta e pelas autarquias, mesmo que não seja do interesse da administração.

Segundo o texto publicado, é considerada violência doméstica e familiar contra a mulher qualquer ação ou omissão baseada no gênero que lhe cause ameaça de morte, lesão, sofrimento físico, sexual ou psicológico e dano moral ou patrimonial, de acordo com o que dispõe o art. 5º da Lei federal Nº 11.340/2006, lei que cria mecanismos para impedir a violência doméstica e familiar contra a mulher.

De acordo com o autor da emenda, o deputado Robério Negreiros (PSD), “a interrupção do convívio com o agressor é essencial para proteger a mulher vítima de violência. O intuito é interromper a agressão, preservar a vida, a integridade física e impedir que o agressor tenha conhecimento da nova rotina vivida pela vítima. Entendo que a Administração Pública pode e deve, independente de decisão judicial, conceder a remoção à servidora nos casos de violência doméstica e familiar” finaliza.

• Com informações da Agência de notícias da CLDF

- Advertisement -spot_img

Últimas Notícias

Reforma Administrativa deve ser votada na terça-feira (21) na Comissão Especial

A Comissão Especial da Reforma Administrativa apresentou o encerramento do debate da Proposta de Emenda à Constituição 32/20, nesta...

Pediu dinheiro para receber algo de um processo judicial? É golpe!

Se você tem um valor para receber na Justiça e receber uma mensagem pedindo que transfira parte para garantir...

Jurídico vence em mais uma ação de exercício findo

Mais uma ação vitoriosa do Jurídico do SindSaúde-DF trará tranquilidade para uma sindicalizada. O Governo do Distrito Federal foi...
- Advertisement -spot_img
- Publicidade -spot_img