BRB não pode descontar mais do que 30% dos salários de sindicalizados, determina Justiça

BRB não pode descontar mais do que 30% dos salários de sindicalizados, determina Justiça

16/03/2018 - 16:28 // Por SindSaúde DF // Jurídico

Servidores em situação de superendividamento entraram com ação junto ao SindSaúde para garantir redução no valor do débito em conta mensal

O SindSaúde é procurado constantemente por servidores que encontram-se em situação de superendividamento devido aos valores referentes à empréstimos consignados junto ao Banco de Brasília (BRB). Nesta semana, dois sindicalizados conseguiram a redução dos descontos abusivos graças ao trabalho do Departamento Jurídico do SindSaúde, que assegurou que o débito não ultrapasse 30% de seus vencimentos.

Os servidores que também estiverem sofrendo com débitos que comprometam boa parte dos salários devem recorrer ao jurídico do SindSaúde. O atendimento é feito de forma totalmente gratuita e sem custos advocatícios ao sindicalizado.

Outro caso

Outra ação de uma servidora, movida pelo Jurídico do SindSaúde, foi julgada procedente para condenar o Governo do Distrito Federal a pagar R$ 2.228,54 devidamente corrigidos  e com juros. O valor é proveniente de acertos financeiros já reconhecidos administrativamente.



Atendimento jurídico do SindSaúde
De segunda à sexta, 9h às 17h.
Local: Edifício Venâncio III, 1º andar – Conic.

Veja também:

Jurídico GDF terá de pagar R$12 mil à servidora por dívida já reconhecida administrativamente Além dessa ação, o jurídico do SindSaúde foi vitorioso em caso de superendividamento e indenização...
Jurídico Sindicalizada ganha causa de R$20 mil em ação do SindSaúde Valor era referente a acertos financeiro; ações da Gata, de superendividamento, remoção arbitrária e de...
Jurídico Sindicalizado tem agora acesso fácil e rápido aos processos da Gata Informações referentes ao andamento dos processos da Gata, 20 horas e dos especialistas poderão ser...
Jurídico Ação do SindSaúde assegura pagamento de R$23 mil à sindicalizada por dívidas do GDF Justiça determinou que verbas salariais atrasadas sejam quitadas e afastou tese de prescrição apresentada pelo...