19 C
Brasília
quinta-feira, 26 novembro, 2020

Servidores podem suspender parcelas no BRB por até 90 dias

Saiba Mais

SindSaúde DF
SindSaúde DF
Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Distrito Federal

Congelamento dos pagamentos se dará como parte de ações para superar crise do Covid-19 

Por conta da crise de saúde, e econômica, causada pela pandemia do Covid-19, o Banco de Brasília (BRB) disponibiliza aos seus clientes a suspensão, por até 90 dias, das operações de crédito já contratadas e que estavam adimplentes até 18 de março de 2020 (com prestações em dia). Segundo o BRB, o benefício vale para pessoas físicas e jurídicas e para todas as suas linhas de crédito parcelado. O prazo do contrato e os encargos prorrogados serão recalculados e incorporados ao saldo devedor.

O banco lembra que a suspensão deve ser solicitada exclusivamente pelo BRB Telebanco (3322-1515) ou no contato do correntista com o gerente via chat no aplicativo BRB Mobile. O contato online é mais uma medida para manter o isolamento social e evitar a uma acelerada contaminação por coronavírus.

“É muito importante que os correntistas tenham essa opção já que, em algumas famílias, a renda pode ter redução durante esses meses de crise. Temos uma grande parcela de servidores com empréstimos ou financiamentos junto ao BRB e acreditamos que a possibilidade de congelar essas parcelas seja um auxílio para nossa categoria, já tão castigada com baixos salários e tão endividada”, afirma a presidente do SindSaúde-DF, Marli Rodrigues.

Repactuação

Os contratos que tiverem a suspensão da cobrança serão repactuados, com cobrança mensal dos valores, conforme as características de cada um (prazo, taxa de juros) e terão incidência de IOF e seguro prestamista, se contratado originalmente.

De acordo com o secretário-executivo de Articulação Federal, Valteni Souza, a Secretaria de Estado de Relações Institucionais do Distrito Federal (SERINS) está atenta as questões relacionadas aos servidores.

“A nossa interlocução com os sindicatos continua ativa para buscar soluções para os servidores nesse momento de crise”, afirma o secretário.

RESPOSTAS PARA DÚVIDAS FREQUENTES:

1 – Os clientes BRB terão direito a suspensão do pagamento das parcelas em todas as linhas de crédito oferecidas pelo banco?
Sim. O BRB dará aos clientes a opção de suspensão do pagamento de parcelas em todas as suas linhas de crédito parcelado.

2 – A partir de quanto a suspensão ocorrerá?
Para os casos de crédito parcelado, a suspensão ocorre a partir da solicitação do cliente. No caso do empréstimo consignado, caso a folha de pagamento de abril já tenha sido fechada, o congelamento ocorre a partir da parcela de maio.

3 – O BRBServ (crédito consignado) também poderá ter a cobrança suspensa?
Sim. O BRB está atuando junto aos órgãos pagadores para viabilizar essa opção aos clientes. Ressaltamos que, por tratar-se de operações consignadas em folha (GDF, INSS, SIAPE e empresas conveniadas), a parcela referente ao mês de março já encontra-se averbada, não sendo possível sua retirada das folhas, que já foram fechadas e em processo de pagamento.

4 – As linhas destinadas à aquisição de imóveis também serão atendidas pela suspensão da cobrança de parcelas?
Sim. Todos os financiamentos imobiliários também serão contemplados. O BRB está trabalhando para que as parcelas com vencimento já em abril possam ser suspensas.

5 – Quem poderá aderir ao pedido de suspensão?
Todos os clientes que estavam adimplentes até 18/03/2020, ou com atraso, a partir do dia 19/03/2020.

6 – As antecipações e juros do limite de cheque especial também poderão ter suas cobranças suspensas?
Não. A suspensão se aplica somente às linhas de crédito parceladas.

7 – Como o cliente poderá solicitar a suspensão dos pagamentos?
O cliente poderá solicitar por meio do BRB Telebanco (3322-1515) ou por chat no Mobile.

8 – Como o cliente fará o pagamento dos valores não cobrados, durante a suspensão?
Os contratos que tiverem a suspensão da cobrança serão repactuados, com cobrança mensal dos valores, conforme as características de cada um (prazo, taxa de juros) e terão incidência de IOF e seguro prestamista, se contratado originalmente.

9 – Haverá algum tipo de cobrança durante a suspensão?
Os contratos de BRBserv, BRB Parcelado, BRB Compra Parcelada, Refin, Novação e CredVeículo não terão nenhum tipo de cobrança durante a suspensão. Já os contratos de Financiamento Imobiliário terão a cobrança de seguro e tarifas pertinentes às operações.

10 – Como essa repactuação será efetivada?
A efetivação se dará na agência, mediante assinatura do contrato ou após confirmação do cliente pela Central de Confirmação de Vendas – CCV.

- Advertisement -

Últimas Notícias

CLDF aprova adiamento de aumento da alíquota previdenciária e remanejamento de crédito para governo

Com derrubada de veto do governo, GDF só poderá cobrar aumento da reforma da previdência em janeiro

Plantão Covid 19 – acompanhe as principais notícias do Brasil e do mundo sobre o coronavírus [NOVEMBRO]

O SindSaúde-DF reúne abaixo as principais notícias sobre Coronavírus no Brasil e no mundo. Tudo que está...

Cenário mundial de violência contra a mulher é desolador, diz ONU

No dia Dia Internacional de Combate à Violência contra a Mulher, balanço divulgado mostra que o cenário se agravou com o isolamento social
- Advertisement -
- Publicidade -
Precisa de ajuda??