Recadastramento de servidores ativos começa em março

Recadastramento de servidores ativos começa em março

28/01/2019 - 12:44 // Por SindSaúde DF // Imagens: Éder Oliveira // Notícias

Atualização de dados será feita pela internet

Todos os servidores ativos do governo Distrito Federal precisarão atualizar os seus dados a partir de março. A medida também vale para trabalhadores sem vínculo com a administração direta, autárquica e fundacional do DF - Metrô, Codeplan, Novacap, Codhab, Ceasa, Emater/DF, TCB e SAB.

O recadastramento ocorrerá todos os anos e será feito sempre no mês de aniversário do funcionário público. Servidores que tiverem mais de um vínculo com o GDF deverão se recadastrar apenas uma vez, sendo necessário que a chefia do local onde estão alocados confirme a sua lotação.

Servidores temporários, afastados, licenciados e que estão cedidos para outros entes federativos também precisam fazer o procedimento. Para o trabalhadores que, por motivo de saúde, não puder fazer o recadastramento no sistema, deve realizá-lo pessoalmente quando retornar.

Link para o recadastramento: www.gdfnet.df.gov.br

Mais informações em: www.seplag.df.gov.br/recadastramento/

Aposentados

Vale ressaltar que a prova de vida de servidores aposentados ou pensionistas começou neste mês. O procedimento é feito nas agências do Banco de Brasília (BRB). 

Veja também:

Notícias ATENÇÃO: Saiba como funcionarão unidades de saúde no feriado com ponto facultativo Apenas Emergências, UPAs e Samu funcionarão em horário integral Durante o feriado da Semana Santa, a...
Notícias SES publica normas para servidores que trabalham em unidades de saúde Em publicação no Diário Oficial, a pasta define como o funcionário deve atender o público...
Notícias SindSaúde flagra falta de estrutura em UBS de Ceilândia. Veja fotos: Assédio, falta de condições de trabalho e muito improviso para atender a população do Sol...
Notícias SindSaúde constata assédio moral grave na UBS nº 1, em Ceilândia Gestão tentou impedir entrada da presidente para fiscalizar situação na unidade A presidente do SindSaúde, Marli...