20.5 C
Brasília
sábado, 4 fevereiro, 2023

Fazenda do DF soltará decreto com cronograma de pagamento das pecúnias

Saiba Mais

SindSaúde DF
SindSaúde DF
Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Distrito Federal

 

Secretário Clemente informou ainda que os aposentados em 2019 receberão os valores em dia

O secretário de Fazenda do DF, André Clemente, informou na manhã desta sexta-feira (17), que os pagamentos de pecúnias atrasadas de 2016, 2017 e 2018 terão novo cronograma divulgado em decreto ainda esse mês. A expectativa é que o pagamento ocorra em menor prazo que o previsto anteriormente. A redução de tempo no parcelamento é uma solicitação do SindSaúde entregue ao governador Ibaneis Rocha.

A informação foi repassada por Clemente durante entrevista à Rádio CBN Brasília. Segundo o gestor, será feito o pagamento das pecúnias de todos os aposentados de 2016, 2017 e 2018. Ele garantiu ainda que o servidor que aposentar em 2019, receberá o direito em dia.

Outra confirmação é de que o servidor que já tiver a sua previsão de recebimento da pecúnia, após o decreto, poderá negociar a antecipação junto ao Banco de Brasília (BRB).

“A proposta inicial do governo era um parcelamento muito longo, em 36 vezes. Nos reunimos com aposentados e levamos novas propostas, que foram entregues à Fazenda para análise. Esperamos que o decreto traga um cronograma para que os aposentados possam ao menos se organizar já tendo essa previsão da quitação. É um passo para eliminar esse calote aplicado aos aposentados pela equipe da última gestão”, afirma a presidente do SindSaúde-DF, Marli Rodrigues.

No último dia 2 de maio, a Secretaria de Saúde fez o pagamento de mais uma parcela da dívida de pecúnias atrasadas. Foram 49 servidores que se aposentaram entre 13 e 26 de julho de 2016 que receberam. Quem se aposentou a partir de 27 de julho ainda espera o pagamento.

Ouça abaixo o áudio do secretário de Fazenda

- Advertisement -spot_img

Últimas Notícias

Milhares de voluntários da Saúde se alistam para cuidar de Yanomâmis

O Brasil e o mundo ficaram chocados com as cenas de abandono e exploração à comunidade indígena Yanomâmi, em...

Agentes comunitários da saúde agora podem acumular dois cargos públicos

Uma grande vitória para os agentes comunitários de saúde (ACS) e para os agentes de combate às endemias (ACE)...

Câncer de pênis – 25% dos casos levam à amputação do órgão em brasileiros

No ano passado, o Brasil registrou 1.933 casos desse tipo de câncer. Apesar de a doença ser considerada responsável...
- Advertisement -spot_img
- Publicidade -spot_img