20.8 C
Brasília
sábado, 24 outubro, 2020

Deputados aprovam, em primeiro turno, orçamento 2020 com 3ª parcela de reajuste

Saiba Mais

SindSaúde DF
SindSaúde DF
Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Distrito Federal

Segundo turno deve ser votado nesta quinta-feira

Os deputados distritais aprovaram nesta quarta-feira (11), em primeiro turno, a Lei Orçamentária Anual para 2020 (LOA 2020). Segundo matéria do Portal Metrópoles, no total, o Governo do DF terá R$ 43,1 bilhões em receitas para utilizar ao longo do próximo ano. São R$ 27,3 bilhões de recursos próprios e R$ 15,7 bilhões autorizados pelo governo federal para o Fundo Constitucional.

Segundo a publicação, o texto foi aprovado com uma emenda aditiva do deputado Fábio Felix (PSol) que autoriza o GDF a destinar verba orçamentária para pagar a terceira parcela do reajuste concedido a 32 categorias em 2013 e que acabou suspenso em 2015.

Segundo cálculos do Executivo local, com retroativo e em valores sem correção monetária, o reajuste custaria R$ 5,36 bilhões aos cofres públicos em dezembro de 2019. No próximo ano, o impacto seria de R$ 1,32 bilhão.

A votação da emenda em segundo turno está prevista para esta quinta-feira.

GATA

Na última semana, a presidente do SindSaúde-DF, Marli Rodrigues, se reuniu com o deputado Rafael Prudente, presidente da CLDF. O SindSaúde protocolou um ofício solicitando que os deputados distritais garantam na Lei Orçamentária Anual de 2020 (LOA) recurso para o pagamento da 3ª parcela da Incorporação da Gratificação de Apoio Técnico Administrativo (GATA).

De acordo com as informações oficiais da Gerência de Pagamentos da Secretaria de Saúde do Distrito Federal, a incorporação da GATA exige a reserva anual no Orçamento do Distrito Federal de R$ 545 milhões.

 

- Advertisement -

Últimas Notícias

Plantão Covid 19 – acompanhe as principais notícias do Brasil e do mundo sobre o coronavírus [OUTUBRO]

O SindSaúde-DF reúne abaixo as principais notícias sobre Coronavírus no Brasil e no mundo. Tudo que está...

Vacinação é a única forma de conter o coronavírus e salvar vidas

Em entrevista exclusiva, ex-ministro da Saúde comenta decisões do governo federal sobre vacinação e combate à Covid-19
- Advertisement -
- Publicidade -
Precisa de ajuda??