19.2 C
Brasília
quinta-feira, 9 julho, 2020

Comissão se reúne para discutir calendário de pagamento das pecúnias

Saiba Mais

SindSaúde DF
SindSaúde DF
Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Distrito Federal

Grupo de servidores irá sugerir ao governo cronograma para a concessão do benefício

A Comissão de trabalhadores aposentados, criada pelo SindSaúde para discutir a melhor forma do governo do Distrito Federal pagar as pecúnias atrasadas, se reuniu nesta segunda-feira (25). Na reunião, o colegiado decidiu que irá propor ao GDF que a concessão dos benefícios dos servidores que se aposentaram em 2016 ocorra em até 90 dias. Logo depois, o pagamento dos aposentados de 2017 e 2018 ocorra em um menor prazo possível. 

Contudo, segundo o diretor do SindSaúde Marcos Rogério o prazo para o pagamento das pecúnias pode ser reduzido, caso o governo apresente alguma proposta melhor. Segundo ele, outro objetivo do grupo é dar condições para que o GDF faça uma projeção do impacto do pagamento das pecúnias dos servidores que se aposentarem em 2019.

O governo local deve R$ 149 milhões em pecúnias. O Poder Executivo propôs pagar o benefício será pago em 36 parcelas e que a sua concessão seguirá uma ordem cronológica das aposentadorias. No entanto, o SindSaúde negocia um prazo menor.

Formam a Comissão que acompanha a negociação das pecúnias os seguintes servidores: Marcos Rogério (diretor do SindSaúde), Celia Becker, Luzinete, Joana D’arc, Rita de Cassia, Maria Natal, Rita Brandini e Maria Goreth.

- Advertisement -

Últimas Notícias

MP abre crédito extraordinário de R$ 348 milhões para Saúde, Educação e Cidadania

Principal destino do dinheiro é o Ministério da Saúde, R$ 332 milhões

Nova lei prioriza profissionais essenciais na realização de testes para Covid

Dezenas de categorias são consideradas essenciais pela lei, entre elas, médicos, policiais, assistentes sociais e dentistas

SindSaúde mantém atendimento online aos sindicalizados

A diretoria do SindSaúde em reunião nesta terça-feira (8), entendeu que ainda não é o momento adequado...
- Advertisement -
- Publicidade -
Precisa de ajuda??