Em 2018, ações judiciais contra a SES aumentaram 50%

Em 2018, ações judiciais contra a SES aumentaram 50%

06/02/2019 - 11:08 // Por SindSaúde DF // Imagens: Éder Oliveira // Notícias

Entre outras coisas, as sentenças obrigavam o poder público a fornecer medicamento e realizar cirurgias

Selo sequelasEm um ano, o número de ações judiciais contra o governo de Rodrigo Rollemberg (PSB) que determinavam o tratamento de saúde, leitos em UTI ou medicamentos aumentou 50%. Em 2018, foram 4.109 processos contra a SES, ante 2.723 em 2017, informa a TV Globo.

Na reportagem exibida pelo telejornal Bom Dia DF, nesta quarta-feira (6), foi apresentado o caso de um homem que possui uma doença que provoca lesões na pele. Por conta disso, ele necessita de um medicamento que custa R$ 16 mil, mas não consegue.

No entanto, ter uma decisão favorável da Justiça não significou ter em mãos, de forma imediata, o que se precisa. O governo ainda pode recorrer e o processo tende a se arrastar durante anos. A Defensoria Pública do DF é um das instituições responsáveis por essas ações. Nesse órgão, em 2018, a procura de pessoas por tratamento de câncer aumentou 36%, seguido pelos pedidos de remédios (28%) e solicitações de exames (14%).

Em nota enviada à TV Globo, a atual gestão da Secretaria de Saúde do DF informou que, com a implementação do programa SOS Saúde, será possível adquirir medicamentos e equipamentos hospitalares de forma mais ágil. Dessa forma, segundo a pasta, as demandas judiciais diminuirão.

Clique aqui e assista à reportagem completa! 

Veja também:

Notícias ATENÇÃO: Saiba como funcionarão unidades de saúde no feriado com ponto facultativo Apenas Emergências, UPAs e Samu funcionarão em horário integral Durante o feriado da Semana Santa, a...
Notícias SES publica normas para servidores que trabalham em unidades de saúde Em publicação no Diário Oficial, a pasta define como o funcionário deve atender o público...
Notícias SindSaúde flagra falta de estrutura em UBS de Ceilândia. Veja fotos: Assédio, falta de condições de trabalho e muito improviso para atender a população do Sol...
Notícias SindSaúde constata assédio moral grave na UBS nº 1, em Ceilândia Gestão tentou impedir entrada da presidente para fiscalizar situação na unidade A presidente do SindSaúde, Marli...