Ganhando tempo

Ganhando tempo

07/06/2017 - 11:37 // Por Marôa Pozzebom // Notícias

GDF programou pagamento de salários e férias. Mas 13° e horas extras não tem previsão

Está previsto para hoje (6/6), o pagamento do salário e as férias de todos os servidores do DF. O espelho com ordem de lançamento está no sistema do SIGRH (Sistema Integrado de Gestão de Recursos Humanos).

No entanto, nenhuma data está programada para o pagamento do 13° salário referente aos aniversariantes do mês de maio. Ou seja, o governo mais uma vez provou ter péssima gestão e nenhum compromisso com os servidores. 

Todos os meses anuncia atrasos, exclusão de direitos por falta de recursos, saldos negativos no caixa do GDF, etc. Nesse mês foi a vez da informação de que apenas 85% do salário seria pago por falta de recursos financeiros, etc.  Desrespeito é a palavra que define.

Para Marli Rodrigues, presidente do SindSaúde, todas as informações repassadas em relação ao pagamento de salários, consideradas “vazamento de informação” são premeditadas e utilizadas como forma de fazer terror psicológico para diminuir, desmotivar e massacrar os servidores.

“Essas informações inseridas e retiradas pela equipe econômica (com a participação do Fundo de Saúde, BRB), tem o claro objetivo de desestimular qualquer investida dos servidores, no sentido de cobrar o que lhes é devido. Como exemplo estão os aumentos, as incorporações de gratificações, a diferença da isonomia, as pecúnias, o reajuste do auxílio-alimentação, as perdas salariais de mais de oito anos”, denuncia Marli Rodrigues, presidente do SindSaúde.

Horas extras

O SindSaúde tem recebido diversas denúncias de que os servidores estão sendo pressionados pelas chefias a fazerem horas extras, o que é algo absurdo e inaceitável, tendo em vista que as últimas horas extras pagas são referentes ao mês de novembro de 2016. O GDF alega falta de orçamento.

O SindSaúde alerta ainda está acompanhando o pagamento dos salários, férias e 13° dos servidores, além de cobrar a quitação das horas extras de todos os servidores da saúde. 

 

GANHANDO TEMPO

GDF programou pagamento de salários e férias. Mas 13° e horas extras não tem previsão

Está previsto para hoje (6/6), o pagamento do salário e as férias de todos os servidores do DF. O espelho com ordem de lançamento está no sistema do SIGRH (Sistema Integrado de Gestão de Recursos Humanos).

No entanto, nenhuma data está programada para o pagamento do 13° salário referente aos aniversariantes do mês de maio. Ou seja, o governo mais uma vez provou ter péssima gestão e nenhum compromisso com os servidores.

Todos os meses anuncia atrasos, exclusão de direitos por falta de recursos, saldos negativos no caixa do GDF, etc. Nesse mês foi a vez da informação de que apenas 85% do salário seria pago por falta de recursos financeiros, etc.  Desrespeito é a palavra que define.

Para Marli Rodrigues, presidente do SindSaúde, todas as informações repassadas em relação ao pagamento de salários, consideradas “vazamento de informação” são premeditadas e utilizadas como forma de fazer terror psicológico para diminuir, desmotivar e massacrar os servidores.

“Essas informações inseridas e retiradas pela equipe econômica (com a participação do Fundo de Saúde, BRB), tem o claro objetivo de desestimular qualquer investida dos servidores, no sentido de cobrar o que lhes é devido. Como exemplo estão os aumentos, as incorporações de gratificações, a diferença da isonomia, as pecúnias, o reajuste do auxílio-alimentação, as perdas salariais de mais de oito anos”, denuncia Marli Rodrigues, presidente do SindSaúde.

Horas extras

O SindSaúde tem recebido diversas denúncias de que os servidores estão sendo pressionados pelas chefias a fazerem horas extras, o que é algo absurdo e inaceitável, tendo em vista que as últimas horas extras pagas são referentes ao mês de novembro de 2016. O GDF alega falta de orçamento.

O SindSaúde alerta ainda está acompanhando o pagamento dos salários, férias e 13° dos servidores, além de cobrar a quitação das horas extras de todos os servidores da saúde. 

Veja também:

Notícias Servidores podem suspender parcelas no BRB por até 90 dias Congelamento dos pagamentos se dará como parte de ações para superar crise do Covid-19  Por conta...
Notícias Plantão Covid 19 - acompanhe as principais notícias do Brasil e do mundo sobre o coronavírus O SindSaúde-DF reúne abaixo as principais notícias sobre Coronavírus no Brasil e no mundo. Tudo...
Notícias Pregão é revogado e Plano de Saúde para servidores terá atrasos A ideia do GDF é oferecer este auxílio aos servidores por meio de coparticipação O plano...
Notícias 29 mil servidores terão a GATA incorporada aos salários No total, 29.311 servidores da Secretaria de Saúde, 18.360 ativos e 10.951 inativos, terão incorporados...