23.5 C
Brasília
quarta-feira, 24 abril, 2024

Grupo de Trabalho para atualização das atribuições da nova carreira conclui as atividades

A tarefa foi iniciada com a publicação no DODF em 20 de janeiro, a minuta segue agora para avaliação do gabinete do secretário de Saúde

Saiba Mais

SindSaúde DF
SindSaúde DF
Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Distrito Federal

O Grupo de Trabalho – GT instituído pela publicação em Diário Oficial do Distrito Federal (DODF), em 20 de janeiro de 2022, por meio da Portaria Conjunta nº 02, de 11 de janeiro de 2022, das Secretarias de Saúde e Economia do DF, com o objetivo de atualizar as atribuições dos cargos que compõe a Carreira Gestão e Assistência Pública à Saúde – GAPS, criada pela Lei nº 6.903, de 16 de julho de 2021, concluiu seus trabalhos na última sexta-feira (18/03).

CLIQUE AQUI e leia a Portaria na íntegra, Pág. 31 do DODF

O GT tinha a finalidade de estudar, com prazo de 90 dias, tudo que se refere às especialidades e respectivas atribuições dos cargos de Analista, Assistente e Técnico em GAPS.

A composição inicial do GT, contava com a subsecretária de Gestão de Pessoas da Economia, Marineusa Bueno; e os servidores Marly Balbino (que coordenou os trabalhos); Marilúcia Cruz da Costa; Christiane de Carvalho; Cecília Teles; Bruno Guedes; e Marcio El Corab. Contou ainda, com a participação do chefe de unidade de Carreira e Empregos Públicos, Oziel Márcio da Silva Castro, Analista em GAPS.

O SindSaúde, por meio de sua diretora Laura Batista, buscou meios de cobrar agilidade no andamento do GT e que os resultados fossem satisfatórios para todos os servidores que fazem parte da carreira.

Tudo que foi produzido pelo GT contou com a participação efetiva da SEEC e SES do DF e obedeceu ao rito administrativo necessário para a legalidade do processo. Agora a minuta segue da Subsecretaria de Gestão de Pessoas (Sugep) da SES para a avaliação do gabinete do secretário de Saúde, o que deve acontecer em breve. Após deve ser oficializado por meio de publicação no DODF.

Para a presidente do SindSaúde, Marli Rodrigues, a conclusão do GT é mais um passo importante para a carreira de Gestão e Assistência Pública à Saúde.

“Com o término dos trabalhos do GT se torna, ainda mais, sólido o caminho para a realização do concurso público para a carreira de GAPS”, afirma.

- Advertisement -spot_img

Últimas Notícias

Estudo do SindSaúde revela perda salarial de 37,8% para os servidores da saúde, gerando revolta e mobilização

Ser aprovado em um rigoroso concurso público, atravessando diversas etapas em busca da tão almejada estabilidade e segurança na...

Mais servidores recebem pagamentos por direitos garantidos, quase 15 mil reais pagos

O departamento jurídico do SindSaúde continua a lutar incansavelmente pelos direitos dos servidores, resultando em pagamentos semanais para dezenas...

A ponta do Iceberg da triste realidade da saúde pública do Distrito Federal

A face visível do problema da saúde pública no Distrito Federal revela-se através de um cenário alarmante: metade das...
- Advertisement -spot_img
- Publicidade -spot_img