22.6 C
Brasília
terça-feira, 2 março, 2021

138.270

SES confirma que DF iniciará a vacinação contra Covid-19 nesta terça (19) às 10h

Avião da FAB trouxe à Capital as 105,9 mil doses que foram distribuídas pelo Ministério da Saúde

Saiba Mais

SindSaúde DF
SindSaúde DF
Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Distrito Federal

O Distrito Federal recebeu, nesta segunda-feira (18), 105.960 doses da vacina contra a Covid-19, as doses vieram de São Paulo em aeronave C-130 (Hércules) da Força Aérea Brasileira que pousou às 14h50 na Base Área de Brasília. O secretário de Saúde do DF, Osney Okumoto, afirmou que a vacinação contra a Covid-19 iniciará nesta terça-feira (19) às 10h no DF e que estrutura para a vacinação está pronta na Capital.

Em entrevista coletiva nesta segunda (18), no Palácio do Buriti, Osney Okumoto, anunciou a antecipação do início da vacinação que seria na quarta-feira (20), para a manhã desta terça-feira (19) ás 10h. O secretário também pontuou que a carga deve passar por uma avaliação de técnicos da Rede de Frios da SES/DF, onde será armazenada. A equipe vai analisar a temperatura e quantidade das doses ainda nesta segunda (18).

Os primeiros a serem imunizados serão os trabalhadores da saúde que estão na linha de frente no combate ao novo coronavírus, incluindo médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) que estão em atendimento direto a pacientes infectados, assim como funcionários da limpeza e vigilantes de unidades hospitalares. Além de idosos com 60 anos ou mais que vivem em instituições de longa permanência (como asilos e instituições psiquiátricas) e indígenas, conforme consta no Plano Distrital para Imunização.

De acordo com a SES, as diretorias dos hospitais públicos e privados, além das gerências das unidades básicas de saúde, enviarão uma lista com os nomes dos profissionais que atuam na linha de frente e serão vacinadas nesta primeira fase. O profissional de saúde poderá escolher o local mais adequado para receber a primeira dose que será vinculada ao CPF. A segunda dose deverá ser administrada 14 dias após a primeira.

Já os idosos e cuidadores de instituições de longa permanência devem aguardar o contato da Pasta. Ao todo, a Saúde pretende vacinar aproximadamente 53 mil pessoas neste primeiro momento.

“É importante destacar que essas unidades irão vacinar apenas pessoas que integram o grupo de risco. Todos serão devidamente identificados e receberão a segunda dose da mesma vacina que tomou na primeira vez”, disse Osnei.

Segundo a SES, neste primeiro momento, o DF terá 16 unidades de referência para imunização, mas já tem estrutura suficiente para ativar até 169 salas de vacinas e conta com 1,5 mil profissionais capacitados para aplicação das doses em todas as sete Regiões de Saúde.

Locais de vacinação para o primeiro público:

  • Hospital Regional da Asa Norte;
  • Hospital Regional de Ceilândia;
  • Hospital Materno Infantil de Brasília;
  • Hospital de Apoio de Brasília;
  • Hospital Universitário de Brasília;
  • Hospital de Base;
  • Hospital Regional de Sobradinho;
  • Hospital Regional de Planaltina;
  • Hospital Regional de Brazlândia;
  • Hospital da Região Leste;
  • Hospital Regional de Taguatinga;
  • Hospital Regional de Samambaia;
  • Hospital Regional de Santa Maria;
  • Hospital Regional do Gama;
  • Hospital Regional do Guará;
  • Central de Regulação do Samu (SIA);

Rede de frio

Assim que as vacinas chegaram ao DF foram acondicionadas na Rede de Frio Central da SES com apoio de escolta da Secretaria de Segurança Pública do DF. A Rede de Frio será responsável por operacionalizar toda a logística de distribuição para as regiões e respectivas unidades de saúde. De acordo com a Pasta, o local possui 95m³ de capacidade de armazenamento, sendo que 14m³ serão exclusivos para condicionar e aclimatar as vacinas contra a Covid-19.

O DF conta ainda com sete Redes de Frio Regionais, que estão instaladas nos Hospitais das Regiões de Saúde e na UBS do Núcleo Bandeirante. Juntas, essas Redes de Frio Regionais contam com 40 câmaras frias.

Aprovação da Anvisa

Na tarde do último domingo (17), a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou o uso emergencial das vacinas Coronavac e Astrazeneca para a imunização contra a Covid-19.

- Advertisement -

Últimas Notícias

Plantão Covid 19 – acompanhe as principais notícias do Brasil e do mundo sobre o coronavírus [MARÇO]

O SindSaúde-DF reúne abaixo as principais notícias sobre Coronavírus no Brasil e no mundo. Tudo que está sendo dito...

Leia os principais destaques SOBRE AS VACINAS contra o coronavírus

O que está sendo dito no Brasil e no mundo sobre a imunização contra a Covid-19

É preciso reinventar a PEC Emergencial e a reforma administrativa

A Proposta de Emenda Constitucional (PEC) no 186/2019, chamada PEC da Emergência Fiscal, e a Reforma Administrativa (PEC no...
- Advertisement -
- Publicidade -
Precisa de ajuda??