15.8 C
Brasília
segunda-feira, 13 julho, 2020

GDF terá de pagar R$12 mil à servidora por dívida já reconhecida administrativamente

Saiba Mais

SindSaúde DF
SindSaúde DF
Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Distrito Federal

Além dessa ação, o jurídico do SindSaúde foi vitorioso em caso de superendividamento e indenização por danos morais.

Dívida reconhecida pela administração
Sindicalizada garantiu na Justiça o pagamento de dívida já reconhecida pelo Estado, mas que havia caído em exercício findo. O GDF terá de quitar o débito de R$ 12.037,43.

Indenização
Um sindicalizado receberá indenização de R$2 mil por danos morais. Seu nome foi envolvido na dívida ativa por conta da venda de um automóvel que estava alienado a seu nome e novo dono não cumpriu com o devido pagamento da dívida.

Superendividamento
Outro sindicalizado em situação de superendividamento junto ao Banco de Brasília (BRB) garantiu que os descontos de seus proventos não ultrapassem os 30%. A retenção será feita apenas uma vez, na fonte de rendimentos.

GMOV
O GDF foi condenado a restituir Gratificação de Movimentação (GMOV) de servidora que teve o benefício suprimido em março de 2016, bem como o pagamento de R$ 6.122,74 em valores retroativos.

- Advertisement -

Últimas Notícias

MP abre crédito extraordinário de R$ 348 milhões para Saúde, Educação e Cidadania

Principal destino do dinheiro é o Ministério da Saúde, R$ 332 milhões

Nova lei prioriza profissionais essenciais na realização de testes para Covid

Dezenas de categorias são consideradas essenciais pela lei, entre elas, médicos, policiais, assistentes sociais e dentistas

SindSaúde mantém atendimento online aos sindicalizados

A diretoria do SindSaúde em reunião nesta terça-feira (8), entendeu que ainda não é o momento adequado...
- Advertisement -
- Publicidade -
Precisa de ajuda??