26.1 C
Brasília
sexta-feira, 30 outubro, 2020

Bolsonaro amplia margem de empréstimo consignado para aposentados

Beneficiários do INSS poderão comprometer até 40% do valor do benefício; hoje, teto é de 35%

Saiba Mais

SindSaúde DF
SindSaúde DF
Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Distrito Federal

O presidente Jair Bolsonaro assinou nesta quinta-feira (1º) uma medida provisória, que será publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta sexta (2), que eleva, em cinco pontos percentuais, a margem de empréstimo consignado para aposentados e pensionistas do Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) que agora poderá comprometer até 40% do valor do benefício.

Por ser uma MP, as regras entram em vigor imediatamente e são enviadas à aprovação do Congresso Nacional.

Atualmente, os beneficiários do INSS podem solicitar empréstimos consignados que comprometam até 35% do valor do benefício, além de outros 5% para usar cartão de crédito na modalidade saque. Agora a margem será de 40% que podem ser comprometidos.

Segundo o Planalto, o novo limite valerá para empréstimos concedidos até 31 de dezembro deste ano.

- Advertisement -

Últimas Notícias

Secretaria de Saúde garante manutenção dos direitos dos servidores da Saúde durante a pandemia da Covid-19

SindSaúde solicitou à Sugep que fossem mantidas as progressões e promoções com base em decisão do TCDF

Quase metade dos servidores da SES têm pós-graduação

Mesmo sem exigência dos cargos, servidores se especializam cada vez mais e aguardam valorização

CLDF aprova criação de Nota Legal Solidária, selo empresarial e mais projetos em semana de votações

Deputados distritais avançaram na pauta de votações e projetos aprovados seguem para sanção do governador
- Advertisement -
- Publicidade -
Precisa de ajuda??