Sábado, 28 de março de 2015
Lurian Leles

Lurian Leles

Publicado em Mobilização
 |  Terça, 05 Novembro 2013 12:31

Mais um dia de paralisações pontuais para os especialistas em saúde, dessa vez no Hospital da Asa Norte (HRAN) deu continuidade ao movimento que reivindica a equiparação salarial da categoria com os odontólogos. Nesta terça-feira (5) os servidores manifestaram na entrada do ambulatório da unidade.

Amanhã (6), o SindSaúde realizará um café da manhã na Câmara Legislativa (CLDF) com o intuito de buscar apoio entre os parlamentares para a causa dos especialistas.

 

Publicado em Mobilização
 |  Segunda, 04 Novembro 2013 14:08
Marcado com

Os especialistas em saúde dão continuidade ao calendário de paralisações relâmpago e cruzaram os braços nesta segunda-feira (4). Os serviços prestados pelos profissionais no Hospital de Base (HBDF) serão suspensos durante todo o dia.

A paralisação dos serviços tem como objetivo chamar atenção do governo para a reivindicação da categoria, que exige a equiparação salarial com os odontólogos da Secretaria de Saúde.

As paralisações pontuais ocorrerão até o dia 7, quinta-feira, quando a categoria definirá os rumos da mobilização em assembleia geral. 

Matéria relacionada: Especialistas na CBN 

Publicado em Informe
 |  Segunda, 04 Novembro 2013 13:17

Na próxima quarta-feira (6) o SindSaúde promoverá um café da manhã  na Câmara Legislativa (CLDF) com o intuito de sensibilizar os deputados sobre a campanha dos especialistas em saúde pela equiparação salarial com os odontólogos. Nos profissionais programam ainda uma ação positiva, com a coleta de sangue no local para posterior doação ao hemocentro.

Um bolo será servido aos parlamentares como um símbolo de comprometimento com a luta dos especialista. “A guloseima significará a sabedoria, igualdade e isonomia. Quem comer uma fatia estará selando uma aliança com essa categoria”, explicou a presidente do SindSaúde, Marli Rodrigues.

Publicado em Na Mídia
 |  Sexta, 01 Novembro 2013 13:07

Contribuição Sindical anual obrigatória

A Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES/DF) informa que no contracheque de outubro será recolhido o valor correspondente a dois dias de trabalho de todos os servidores, referente à Contribuição Sindical anual obrigatória. O desconto em duplicidade deve-se a uma decisão judicial, uma vez que em 2012 não houve o recolhimento.

A SES/DF esclarece que todo trabalhador está sujeito à contribuição, prevista no artigo 149 da Constituição Federal. O desconto é feito anualmente, por todos os empregadores, na folha de pagamento, no valor correspondente a remuneração de um dia de trabalho.

O secretário de Saúde, Rafael Barbosa, já está em negociação com órgãos jurídicos, no sentido de reverter essa cobrança. Não havendo essa possibilidade, está em andamento um acordo com a Secretaria de Administração Pública para que o débito ocorra parceladamente.

 

Fonte: SES/DF

Publicado em Mobilização
 |  Quarta, 30 Outubro 2013 13:30
Marcado com

Os serviços prestados pelos especialistas em saúde do Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (CAPS-AD) da rodoviária foram suspensos nesta quarta-feira (30) para chamar a atenção do governo em relação à reivindicação da categoria, que exige equiparação salarial com os odontólogos. Os profissionais organizam para esta semana paralisações pontuais em diversas unidades, a exemplo da primeira ocorrida na terça-feira (29), na Farmácia de Alto Custo da 102 Sul.

Segundo  a assistente social do CAPS Carla Freitas, a categoria está mobilizada em gente à unidade de saúde desde às 8h. “Os especialistas do CAPS estão paralisados e estamos sensibilizando os médicos e enfermeiros para que o serviço deles também parem.  Sinto que o caminho é esse, o governo não vai dar nada se não nos organizarmos”, disse

 “O sindicato está apoiando o movimento com sua estrutura. Além disse, estamos à frente das negociações pois o governo negocia com quem tem legitimidade, que é o SindSaúde”, explicou o diretor Ênio Roberto.

Publicado em Informe
 |  Sábado, 26 Outubro 2013 18:07

Demonstrando mais uma vez que o SindSaúde possui membros ativos, diretores e funcionários cuidaram pessoalmente da mudança do setor de atendimento ao sindicalizado neste sábado (26).  E o clima não poderia ser melhor, todos estavam muito felizes com a mudança. “Não há palavras que descrevam o quanto é bom voltar para a nossa casa própria. Estamos ansiosos para receber os nossos sindicalizados nesse novo espaço”, classificou Marli Rodrigues, presidente da entidade.  O atendimento ao filiado volta ao normal na próxima terça-feira (29).

Publicado em Na Mídia
 |  Quinta, 24 Outubro 2013 18:36

Cerca de 350 pessoas fecharam 3 faixas do Eixo Monumental nesta quinta. Grupo inclui farmacêuticos, biólogos, nutricionistas e fisioterapeutas.

Cerca de 350 especialistas em saúde da rede pública do Distrito Federal fizeram um protesto no fim na manhã desta quinta-feira (24) por reajuste salarial e reestruturação da carreira para as categorias. Os manifestantes se concentraram em frente ao Palácio do Buriti e marcharam até o Hospital de Base de Brasília .
O grupo chegou a fechar três das seis faixas da via S1 do Eixo Monumental durante cerca de uma hora. O protesto teve a participação de farmacêuticos, biólogos, nutricionistas, e fisioterapeutas.

Segundo os manifestantes, os projetos de lei sobre reestruturação de carreiras, que foram enviados pelo governo do DF à Câmara Legislativa em setembro, contemplam apenas médicos, enfermeiros, dentistas e especialistas de saúde de nível médio, excluindo profissionais de nível superior.

Os especialistas querem a equiparação salarial com dentistas da Secretaria de Saúde. No último mês, a Câmara Legislativa aprovou o reajuste para a categoria. Até 2015, eles vão receber salários de R$ 13 mil para jornada de 40 horas semanais.

A Secretaria de Administração do DF informou, em setembro, que os servidores terão a incorporação da Gratificação de Atividade Técnica Administrativa (Gata) em três etapas nos meses de setembro até 2015.

No final de agosto, o GDF anunciou um projeto de reestruturação de 22 carreiras do serviço público, cujo impacto deve ser de R$ 1,2 bilhão nos próximos três anos. A proposta atinge mais de 60 mil trabalhadores, entre médicos, assistentes sociais e músicos da Orquestra Sinfônica.

Fonte: G1

Publicado em Mobilização
 |  Quinta, 24 Outubro 2013 15:04
Marcado com

Especialistas da saúde aprovaram hoje (24), em assembleia geral, a realização de paralisações pontuais a partir da próxima semana.  Os servidores compareceram em massa ao evento, ocorrido em frente ao Palácio do Buriti, para definir as estratégias da mobilização em prol da equiparação salarial com a carreira odontológica. Um novo encontro ficou marcado para o dia 7, com local ainda a ser definido.

Após o término da assembleia, os servidores seguiram em caminhada até o Hospital de Base (HBDF), onde encerraram o movimento cantando o hino nacional. “Fizemos hoje uma grande mobilização para que não só o governo nos veja, mas também para que a população entenda a reivindicação desses servidores”, explicou Marli Rodrigues, presidente do SindSaúde. “A categoria está de parabéns, foi tudo pacífico e organizado. Os especialistas estão conseguindo mostrar a força que têm”, completou.

A deputada federal Érika Kokay e os distritais Celina Leão e Roney Nêmer compareceram
à mobilização para prestar apoio aos especialistas.

Publicado em Mobilização
 |  Quarta, 23 Outubro 2013 15:46
Marcado com

O SindSaúde realizou nesta quarta-feira um café da manhã para lançar a campanha “ Xô bicho-papão! Fechar a pediatria, não!”, que protesta contra o possível fim das atividades de  internação do setor no Hospital Regional do Gama (HRG). A mobilização contou com a presença massiva dos servidores da unidade de saúde e também com o apoio do deputado distrital Patrício e do coordenador do Conselho Tutelar da cidade, Ailton Miranda. A federal Érika Kokay enviou um representante ao evento.

“Iniciamos essa mobilização no Gama pois todo movimento que começa aqui termina vitorioso, mas não nos esquecemos também que esse é um problema que atinge o Hospital Regional de Santa Maria”, declarou Marli Rodrigues, presidente do SindSaúde, sobre o fechamento da internação pediátrica do HRSM, na semana passada.  “Isso é um problema de gestão”, completou o diretor Vander Borges.

Publicado em Na Mídia
 |  Terça, 22 Outubro 2013 16:16

Governo autoriza concurso para mais de seis mil vagas para a saúde no DF (R7)

Menos da metade dos aprovados serão contratados de imediato

O Governo do Distrito Federal autorizou a Secretaria de Saúde do DF a realizar concurso público para contratação de 6.334 profissionais, com 2.534 vagas de suprimento imediato. Segundo a secretaria, o edital deve ser publicado até o fim do ano.  

As contratações imediatas são para 665 médicos, 92 cirurgiões-dentistas, 224 enfermeiros, 241 especialistas em saúde, 1.152 técnicos em saúde e 160 auxiliares operacionais de serviços diversos.  

Segundo o secretário de Saúde, Rafael Barbosa, a medida resolverá o problema dos contratos temporários e possibilitará a ampliação dos serviços.  
Após a autorização do concurso, o próximo passo será o processo de escolha da empresa da banca que aplicará as provas.

Fonte: R7

© 2015 SINDSAUDE DF - SINDICATO DOS EMPREGADOS EM ESTABELECIMENTOS DE SERVIÇOS DE SAÚDE DE BRASÍLIA-DF
SDS (CONIC) Bloco P - Ed. Venâncio III 1° Andar Sala 109/113 - CEP: 70393-902 - Brasília/DF 

Telefone: (61) 4063-9077 | E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. | Google+

 

Filiado à